terça-feira, 3 de julho de 2007

Coisas que (não) se aprendem nos jantares

.Aprende-se que a Pepsi bate mais que a receita (bilazas que o diga!)

.Aprende-se que o Estádio do Dargão é maior que o do Dragão

.Aprende-se que os aviões são conduzidos

.Desaprende-se por osmose

.Aprende-se como é que duas gajas vão com um gajo

.Não se aprende o que se faz depois de duas gajas irem com um gajo (já se deve nascer ensinado, não é?)

.Aprende-se quem é que brinda "à da Marta" (também já deviam saber isto...)

.Aprende-se que os copos em cima das canecas não dá bom resultado

.Aprende-se o que sentia a Teresa Guilherme quando ouvia as queixas no confessionário

.Tem que se aprender de novo as letras das músicas...

.Aprende-se que ninguém nos convence a beber mais, a menos que estejemos sempre a encher o nosso próprio copo

.Aprende-se a roubar gomas

.Aprende-se que se a garrafa de àgua foi comprada pela mãe, tem vida eterna

.Aprende-se a não dizer "pronto" cinco vezes em dois segundos

.Já se aprendia a não falar quando se leva a irmã ao carro ter com o pai...

.Aprende-se que tirar a carta com uma taxa de alcoolemia elevada nos prepara para a vida

.Aprende-se a dar pão aos Leões

.Aprende-se que se arrastamos as palavras e dobramos a língua, a culpa é da chiclete!

2 comentários:

Marta disse...

Com tantas coisas que se aprendem estou anisiosa pelo proximo jantar!!! :)

è por estas e por outras que acho mesmo que um jantarinho destes uma vez por mes nos ia enriquecer o intelecto!!!

Viva aos jantares no melo, que já não são autenticos poços de oleo mas sim poços de sabedoria!!!...o que a receita n faz menina.....

ἀπὸ μηχανῆς βιλα disse...

não são poços de óleo se não olharmos p'ó prato do Netas, porque eu estava lá e bem vi!

e a receita faz tanto, que eu nunca te vi oferecer nada a ninguém, e aquele Favaito a meio da noite, soube que foi uma maravilha :P havemos de te "bem-dispôr" mais vezes :D